Portadores da Luz

Nobres saudações a todo aquele que busca a sua Verdade! Bendito todo aquele que percebe além das fronteiras desta dimensão e que glorifica Deus em seus templos de carne. Que estas páginas possam levar o necessário para suas almas e que de alguma forma sejam luz para as trevas da ignorância e bálsamo para as feridas causadas pela máquina da pseudo-realidade. Que o espelho destas páginas possa refletir a luz de seus verdadeiros “eus” e que ao mostrar essa verdade que todas as máscaras do engano caiam. Que estas páginas sejam abismos profundos para os tolos que desconhecem a si mesmos e um majestoso e convidativo céu para os portadores das asas da liberta sapiência. Que possam se abrir as portas do Reino Interno — o tão aclamado “Reino dos Céus”— para todo aquele capaz de utilizar as chaves aqui contidas, de forma livre, laica, universal. E que o verdadeiro Amor — a sacra força que impulsiona o ser à luz, assim como o sol que impulsiona os planetas à sua volta — esteja com todos. Que a chama divina transmutadora existente em cada um brilhe em toda a sua intensidade, espalhando a vibração que emitimos dos sacrários de nossos corações neste importante momento.
E saibam de algo: o nosso propósito é difundir espalhar a sabedoria a todos. E que esta sagrada semente, nutrida com o amor que preenche todas as coisas, surja do mais íntimo e profundo recanto de seus seres. Que esta sabedoria seja como um ácido a corroer as correntes da ignorância que limitam a alma a uma existência medíocre em programas que levam homens a girar no nada como se fossem camundongos em uma gaiola disfarçada. Que seja como etérea semente a perfurar o concreto de toda a superficialidade vigente para crescer imperiosa árvore, muito além de nossos arranha-céus de ilusões. Que esta sabedoria seja como câncer a se espalhar por todas as direções e a matar toda a falsidade. E que caiam por terra todas as mentiras que corromperam o sagrado e que foram aceitas como leis absolutas de um reinado hipócrita, alienante e caricata.
Há muito que os verdadeiros portadores da Luz foram renegados e que a palavra de conhecimento era motivo de morte. Mas nós que compreendemos o mistério da Árvore da Vida e morremos para a vida fútil dos que dormem na ignorância estamos mais vivos e operantes que nunca. Do anátema recebido nos fortalecemos, saindo das cavernas dogmáticas exclusivistas para comungarmos com o grande céu dos homens alados, portadores da Luz da sabedoria. Que esta sabedoria então seja a chama a reacender as velas dos templos existentes em cada “Ser” humano.
Então, que a Grande Força Criadora guie a todos em todo seu esplendor e plenitude. E que brilhe intensamente a Bela Estrela...

0 comentários:

Postar um comentário

Seguidores